Você estava andando na lua
Agora você está se sentindo inferior
O que eles disseram não era verdade
Você é linda
Paus e pedras
Quebram os seus ossos
Eu sei o que você está sentindo
Palavras como aquelas
Não roubarão seu brilho
Você é uma em um milhão

Esta é para todas as meninas
E meninos de todo o mundo
Seja o que for que lhe disseram
Você vale mais que ouro
Portanto, mantenha de cabeça erguida
É a sua vez de brilhar
Posso ver de dentro pra fora
Você vale mais que ouro

Quando todo mundo mantém o placar
Com medo você vai perder
Apenas ignore
Eles não conhecem o verdadeiro você
Toda a chuva no céu não pode apagar o seu fogo
De todas as estrelas lá fora hoje à noite você é a que brilha mais forte

Então não deixe ninguém dizer que você não amado
E não deixe ninguém lhe dizer que você não é suficiente
Sim, há dias em que todos nós sentimos como se estivéssemos bagunçados
Mas a verdade é que somos todos diamantes brutos
Portanto, não tenha vergonha de usar sua coroa
Você é um rei, você é uma rainha por dentro e por fora
Você brilha como a lua
Você brilha como as estrelas
Isto é para você
Onde quer que esteja.









Leonardo Gonçalves - Novo


Elevo os olhos para o monte de onde meu socorro vem
A esperança pressupõe a espera, logo vem o Rei
A palavra iluminará, o caminho estreito ao lar
A promessa não falhará
Mas à meia noite o céu se abre em horizonte
A luz que enche toda a terra é o Rei
Acordam os que dormem no Senhor
O choro torna-se em louvor e todo olho vê
Se a morte me silenciar ainda não é o fim
Minha fé não vê um Cristo morto, mas que ressurgiu
E a canção do cordeiro vai
Ressoar como alto mar
"Justos são os teus caminhos, Pai!"
Mas a meia noite o céu se abre no horizonte
A luz que enche toda a terra, é o Rei
Acordam os que dormem no Senhor
O choro torna-se em louvor e todo olho vê
Vê o cordeiro de Deus
Que está em Seu santo trono
Veja, tudo se fez novo
Mas à meia noite o céu se abre no horizonte
A luz que enche toda a terra é o Rei
Acordam os que dormem no Senhor
O choro torna-se em louvor e todo olho vê
O vê!
Veja, tudo se fez novo